Younger & Bresson seduz mercado nacional

younger_bresson_ybh_8359-22qq

A Younger & Bresson, acaba de chegar ao mercado nacional, desta feita pelas mãos de Miguel Pereira que passa a representar a marca (e o Grupo Ambre) nosso país. Com uma linha de 14 modelos, a Younger & Bresson aposta na relação preço qualidade, para seduzir os consumidores portugueses.

A Younger & Bresson, acaba de chegar ao mercado nacional, desta feita pelas mãos de Miguel Pereira que passa a representar a marca (e o Grupo Ambre) nosso país. Com uma linha de 14 modelos, a Younger & Bresson aposta na relação preço qualidade, para seduzir os consumidores portugueses.
O Grupo Ambre (e cerca de uma dezena de outras marcas) chega agora ao nosso mercado co uma relação de preços adequada ao momento financeiro que vivemos. Atente-se aos dois relógios nestas páginas, ambos com preços recomendados que se aproximam dos 450 euros, máquinas do tempo equipadas com movimentos automáticos (Ambre MPB1010), a oferecerhoras minutos, segundos às nove horas e data às 6.
Uma autonomia de 40 horas, resulta de um movimento que promete ter vida longa, mercê das suas 28.800 alternâncias/hora, movimento que “vive” em caixas de aço com tratamento PVD negro, bem de acordo com a moda actual e capazes de resistir à água até 50 metros.
O Yonger & Bresson Xtrem R, de caixa redonda de 42 mm, conta com duas versões, uma com segundos ao centro e outra com segundo às nove horas, a exemplo do modelo Chenonceau, com caixa tonneau que, a exemplo do Xtrem R, conta com vidro de safira anti-reflexo na frente e atrás, para se poder admirar a beleza estética do mecanismo em “laboração”.
Uma garantia de cinco anos atesta a confiança do fabricante nos produtos que realizam, fazendo destes relógios “made in france” sérios concorrentes dos habituais “swiss made” que dominam o mercado.
Xtrem e Chenonceau, apresentam-se assim como dois modelos de uma extensa gama de produtos que acabam de chegar a Portugal, com o charme e a qualidade do saber fazer francês. É a sedução francesa no seu expoente máximo.