Os novos IWC Português Calendário Perpétuo

IWC Português Calendário Perpétuo

Os renovados modelos Português Calendário Perpétuo com Lua dupla e Português Calen­dário Perpétuo com Lua única, a indicação das fases da Lua já chegaram ao mercado nacional. No Português Calendário Perpétuo com Lua dupla, os vários ciclos da Lua são representados de forma espelhada para os hemisférios Norte e Sul. Uma invenção dos engenheiros da IWC, que se fixaram no objectivo de mostrar aos observadores ao Sul do equador a Lua correctamente representada no mostrador.

Pela pri­meira vez, o modelo prescinde da indicação da contagem decrescente dos dias restantes até à próxima lua cheia. Os desenhadores, em vez disso, modelaram o mostrador interno da indicação da Lua dupla como céu noturno estrelado na mesma cor do mostrador grande, fazendo com que a Lua e as estrelas pareçam pairar no espaço infinito. Uma outra novidade do desenho é a introdução do pon­teiro dos minutos caminho de ferro, típico dos relógios Português, o que faz com que o visual do modelo se aproxime mais do original clássico. As cores a condizer dos contadores da data e do dia da semana conferem ao mostrador um aspecto mais harmonioso e elegante.

O mo­delo com Lua única não apresenta alterações visuais, à excepção de ínfimas adaptações do desenho. A altura, no entanto, parece mais reduzida devido ao novo vidro da frente de borda arqueada.

O calendário perpétuo mostra não só os ciclos lunares, mas também os segundos, os minutos, as horas, a data, o dia da semana, o mês e a indicação do ano com quatro dígitos. Programado mecanicamente, o calendário consi­dera as durações divergentes dos meses e até mesmo os anos bissextos. No entanto, a cada cem anos (2100, 2200, etc.) deixa de se realizar um ano bissexto. Neste caso, o relojoeiro tem que avançar o calendário manual­mente no dia 1 de Março.

Partilhe este artigo

publicidade