Domingo, Junho 16

Entrevistas

Carlos Góis e o sonho chamado Carlton Jewellery
Entrevistas

Carlos Góis e o sonho chamado Carlton Jewellery

Entre o ouro e os diamantes, o romantismo da natureza e a sofisticação urbana, assim são as jóias de Carlos Góis. O jovem joalheiro conversou com a Chronos e falou das suas inspirações e aspirações. Basileia e internacional a sua marca estão no horizonte.  Licenciado em Economia, talvez se tenha perdido um economista de sucesso, mas ganhou-se um joalheiro apaixonado pela arte. Licenciado em Economia, Carlos Góis tem 32 anos, mas desde os 16 que deseja ter uma marca própria de jóias. O sonho tornou-se realidade há seis meses, quando o mercado viu nascer a Carlton Jewellery. A Carlton Jewellery é recente. Mas a joalharia é uma paixão antiga…É uma paixão que vem de há muito tempo. Os meus pais têm uma loja em Coimbra. Eu desde miúdo que estou inserido no meio. E ao longo do meu cres...
Jacques Thomas (A. Lange & Söhne): “Na Boutique de Lisboa sentimo-nos em casa…”
Entrevistas

Jacques Thomas (A. Lange & Söhne): “Na Boutique de Lisboa sentimo-nos em casa…”

Jacques Thomas não pára. Nomeado em 2010 pela A. Lange & Söhne como responsável de mercados como França, Espanha, Bélgica, Mónaco, Reino Unido e Portugal, Jacques, está permanentemente atento a tudo quanto se desenrola no seu sector e ao mercado português em particular. A loja da marca na Avenida da Liberdade em Lisboa, é a “menina dos seus olhos” e um motivo de orgulho pelos resultados conseguidos. Poucos alvitravam tal sucesso… Licenciado na Commerce International de l’Ecole des Cadres (EDC) em Paris, Jacques Thomas acumula uma vasta experiência internacional, iniciada em 1977, na Cartier. Desde então não parou e chegou mesmo a passar pelo Brasil, em 1986 (onde aprendeu português) para lançar a prestigiada Christofle, marca que o “trouxe” de novo à Europa, desta feita a Espanha,...
John Vergotti (Patek Philippe): “Somos uma marca intemporal”
Entrevistas

John Vergotti (Patek Philippe): “Somos uma marca intemporal”

John Vergotti, é protótipo de “Mr. Patek”; o seu porte e estilo, evidencia um homem atento ao detalhe, apreciador do belo e respeitador da tradição e dos valores. Quem melhor para liderar uma marca como a Patek Philippe em Espanha, Andorra ou Portugal? No mundo das “máquinas do tempo”, apaixonou-se por elas, ou não fosse uma pessoa de paixões…Sim, John Jacques Vergotti, encarna bem o perfil de um “gentleman”, na fala, na pose, nos gestos e nos gostos. Apaixonado pela música e pela escrita, John Vergotti revela uma oura paixão, a fotografia, que o leva frequentemente a captar o “momento” até com um telemóvel, desde que a imagem revele algo que o toca, que o sensibiliza.De educação clássica e muito intelectual, John Vergotti assume-se com alguém que não perde o momento, que observa, analisa....
Carmen Saenz (Audemars Piguet Ibéria): “Quebrar as regras é uma obrigação”
Entrevistas

Carmen Saenz (Audemars Piguet Ibéria): “Quebrar as regras é uma obrigação”

Carmen Saenz é a nova responsável da Audemars Piguet Ibéria. De sorriso fácil e de uma elegância extrema, Carmen Saenz encarna na perfeição o seu novo cargo; um desafio exigente, à frente de uma marca plena de história no mundo da alta relojoaria.”Quebrar as regras é uma obrigação”, diz sobre a “sua” marca, uma paixão antiga e a realização de um sonho.Meticulosa por estilo e de olhar vivo e sempre atento aos pormenores, Carmen Saenz é um nome bem conhecido do mundo relojoeiro nacional. Durante mais de uma década a trabalhar numa das marcas do Grupo Richmont (a Cartier), e com uma larga experiência no mundo da relojoaria e joalharia, a actual número 1 da Audemars Piguet Ibéria é também uma mulher de outros “sabores”, outros gostos e preferências.Recorda “O Conde de Monte Cristo” de Alexandr...
Ricardo Guadalupe, CEO da Hublot:  “2015 vai ser um ano difícil”
Entrevistas

Ricardo Guadalupe, CEO da Hublot: “2015 vai ser um ano difícil”

Ricardo Guadalupe, aos 47 anos de idade, foi nomeado CEO da Hublot (2012), nomeação que fez dele o sucessor de Jean-Claude Biver, agora Presidente do Conselho da Hublot. Esta promoção, regista também uma carreira de sucesso na indústria relojoeira suíça e 20 anos de leal colaboração com Biver. Guadalupe é um homem confiante no futuro.A sua relação profissional com Jean-Claude Biver é longa e com excelentes resultados, tais como o renascimento da Blancpain ou o florescente desenvolvimento da Hublot, duas marcas que hoje estão ao mais alto nível da relojoaria helvética.De ascendência espanhola, Ricardo Guadalupe nasceu em Neuchâtel, na Suíça, (Março de 1965), onde cresceu e passou toda sua vida escolar nesta região conhecida como o berço da relojoaria de luxo suíça. Depois de se licenciar, m...
Juan Carlos Torres:  “Um relógio tradicional é um objecto emocional”
Entrevistas

Juan Carlos Torres: “Um relógio tradicional é um objecto emocional”

Juan Carlos Torres está na Vacheron Constantin desde 1981 e, desde 2005 (coincidindo com os 250 anos da marca) é o presidente da marca. Em 2015 fará dez anos à frente desta prestigiada fabricante de relógios suíços. Por ele tem passado uma “mudança tranquila” e a renovação necessária a uma marca com os pergaminhos daquela a que preside. O futuro conta com ele.    Nasceu em Barcelona em 1956, filho de pai catalão e mãe cubana, é pai de dois filhos e praticamente viveu toda a sua vida na Suíça. Foi la que, com apenas 19 anos, começou a trabalhar na Camy Watch como contabilista. Em 1981, mudava-se para a Vacheron Constantin, “casa” onde virá a ser nomeado Director Financeiro, em 1988. É por ele que passa a inegração da marca no Grupo Richmont, oito anos depois.Em 2000, Jua...
Marzio Villa: “Manter a diferenciação  é o nosso objectivo”
Entrevistas

Marzio Villa: “Manter a diferenciação é o nosso objectivo”

Marzio Villa é proprietário da Cuervo y Sobrinos e simultaneamente o presidente da companhia. A sua aventura no meio Relojoeiro começou há nais de 30 anos quando resolveu lançar a Hublot em Espanha. Assim nasceu a Diarsa e um longo caminho que trouxe at+e aos días de hoje; um personagem incontornável na relojoaria ibérica, e não só.Nascido em Milão e “convertido” a Madrid, onde se sente em casa, Marzio Villa é um homem de paixões: carros antigos, música e cozinha “desligam-no” do mundo dos negócios que o obrigam a viajar permanentemente entre a Suíça, Itália, Espanha e se com tempo disponível, até Portugal. A Diarsa representa a Hublot (para Espanha e Portugal), a Ulysse Nardin, Eberhard, Boucheron, Parmigiani, Clerc, e obviamente, a sua Cuervo y Sobrinos, a “menina dos olhos” deste gestor...
Aldo Magada (CEO da Zenith): “Haverá inovações no DNA da marca…”
Entrevistas

Aldo Magada (CEO da Zenith): “Haverá inovações no DNA da marca…”

Aldo Magada é o novo Presidente e CEO da Zenith, nomeado para estas funções desde o passado mês de Julho. Integrado no poderoso Grupo LVMH, Magada tem agora a seu cargo a tarefa de gerir e impulsionar uma marca que segundo ele: ”olho para a Zenith como uma grande manufactura que produz excelentes movimentos”, opinião de quem conhece bem a casa que passou a gerir.Nascido em 1958, Aldo Magada é casado e tem dois filhos. Depois de se formar pela Universidade de Lausanne, em 1981, e no ano seguinte, pela Universidade de La Jolla, San Diego, começou sua carreira em vendas na Vifor (empresa ligada à indústria da para-farmácia). Em 1984, ingressou no Grupo Swatch e, ao longo da década seguinte, ocupou cargos de liderança em marcas como a Piaget e Omega – nas quais foi Diretor de Produto e Diretor...
Kelly Rowland: “Eu amo o tempo todo!”
Entrevistas

Kelly Rowland: “Eu amo o tempo todo!”

É apaixonada pelo trabalho e pela vida, tem um sorriso estonteante e umas pernas esculturais. Com um TWSteel no pulso, canta e encanta e, do alto dos seus 1,73m, é impossível não ser notada. Kelly Rowland é (ou foi) uma menina “Destiny’s CHild”, ou melhor “destinada” ao sucesso…A sua personalidade é tão apaixonante quanto monótona; lema de vida: “trabalho…trabalho…trabalho” e pouco mais. Está empenhada em vencer. É uma lutadora e como tal, para calar muitas bocas detractoras da sua qualidade vocal, vai cantar muito e bem, como quem diz, “até que a voz lhe doa”…Kelly Rowland é de uma vivacidade contagiante. Conhecida mundialmente como um dos membros fundadores das “Destiny’s Child”, juntamente com Beyoncé e LaTravia Johnson, Kelly Rowland já vendeu mais de 60 milhões de discos em todo o Mun...
B-Rocket – a Bell & Ross a 200 à hora!
Entrevistas

B-Rocket – a Bell & Ross a 200 à hora!

Bruno Belamich, o director criativo da Bell & Ross, é acima de tudo um designer. Começa a sua formação na década de 80, porém, o serviço militar obriga-o a interromper o curso, mas este “percalço” no seu percurso académico, fez nascer duas paixões: a aeronáutica e a cultura asiática. É precisamente este trinómio (design, aeronáutica, Ásia) que está na génese do grande projecto da sua vida: a marca relojoeira Bell & Ross, que funda em 1992 com o seu amigo de infância Carlos Rosillo. Desde então, é por ele que passa o desenho das máquinas do tempo com o selo de qualidade da Bell & Ross. Conhecida que é esta marca relojoeira entre os apreciadores de alta relojoaria, pela qual Bruno Belamich é responsável, ele é também um irreverente e um “mente irrequieta&rd...