Métiers d’Art Fabuleux Ornements: Novidade 2016

Métiers d’Art Fabuleux Ornements: Novidade 2016

A colecção Métiers d’Art Fabuleux Ornements celebra as belezas ornamentais do Mundo, que resultam das artes decorativas de várias culturas. Dois anos após a sua primeira apresentação, a colecção revela quatro novas peças certificadas com o Punção de Genebra, nascidas da arte de esqueletizar e de uma combinação de artes e ofícios.

Uma dezena de mestres artesãos proveram reinterpretações da arquitetura otomana, dos bordados chineses, dos manuscritos indianos e da renda francesa que caraterizam a colecção. Estas criações estão equipadas com movimentos etéreos gravados à mão: o calibre ultra-fino 1003 em ouro 18K. A delicadeza da decoração da parte da frente é precisa a um décimo de milímetro, enquanto na parte de trás Vacheron Constantin optou por um acabamento único chanfrado e um desenho manual que preservam uma aparência sóbria.

As artes tradicionais encontram-se na intersecção entre diferentes culturas. Para realçar este excepcional savoir-faire, o modelo «Manuscrito indiano» surge da aliança entre o esmalte Grand Feu champlevé e a gravação à mão. O modelo «Arquitetura otomana» define-se graças à biselagem manual, à base nácar natural e ao moucharabieh em ouro cravado com semi pérolas. A peça «Renda francesa» destaca-se pelo mostrador com esmalte Grand Feu translúcido guilhochado à mão e delicadamente cravejado com safiras de cor violeta e diamantes. O quarto modelo, o «Bordado chinês» é realizado em ouro rosa seguindo a técnica de cloisonné. O mostrador é esculpido em madrepérola e apresenta uma opala moldada de acordo com a arte glíptica e complementada com folhas e pistilos em ouro delicadamente gravados à mão.

Durante 260 anos, a manufactura tem consistentemente destacado a beleza das suas criações através das artes e ofícios. A gravação à mão é uma dessas técnicas. Trata-se de uma arte exigente, que conjuga paciência e destreza, que foi usada desde sempre como forma para atingir uma leveza etérea. O primeiro relógio criado por Jean-Marc Vacheron em 1755 já apresentava um esqueleto e uma ponte de balanço gravada. Mestre na práctica desta extremamente complexa disciplina, Vacheron Constantin deu rédea livre à sua criatividade, esqueletizando calibres simples e complicados e associando-os, de acordo com a sua inspiração, a outras artes e ofícios.

 

FICHA TÉCNICA

Métiers d’Art Fabuleux Ornements

Referência

33580/000R-B009 – Renda francesa

33580/000G-B011 – Bordado chinês

33580/000G-B010 – Arquitetura otomana

33580/000G-B008 – Manuscrito indiano

Relógios certificados com o Punção de Genebra

-Disponíveis apenas nas Boutiques Vacheron Constantin

 

Calibre  1003 SQRH2

Desenvolvido e manufacturado por Vacheron Constantin

Mecânico, de corda automática

Ouro 18K, ultra-fino, esqueletizado e gravado à mão

21.10 mm (9’’’ ¼) de diâmetro, 1.64 mm de espessura

Aproximadamente 31horas de reserva de marcha

2.5 Hz (18’000 alternâncias/hora)

117 componentes

18 rubis

 

Indicações          Horas, minutos

 

Caixa     Ouro branco/ou rosa 18K 5N

Bisel com diamantes (64 diamantes de talhe redondo)

Renda francesa e bordado chinês: conjunto anel de diamantes (60 diamantes de talhe redondo)

Arquitectura otomana: anel milgrain

Manuscrito indiano: anel polido

37 mm de diâmetro, 8 mm de espessura

Fundo transparente com safira transparente

-Estanqueidade testada a uma pressão de 3 bares (aproximadamente 30 metros)

 

Mostrador         

Renda francesa: guilhochado à mão e esmalte Grand Feu translúcido, esqueleto em ouro 18K, conjunto de safiras de cor violeta & diamantes (5 safiras & 48 diamantes de talhe redondo)

                Bordado chinês: pedra cloisonné (jade), opala rosa moldada de acordo com a arte glíptica, madrepérolas esculpidas, folhas e hastes em ouro gravadas à mão

                Arquitetura otomana: madrepérola violeta sobre esqueleto em ouro rosa 18K, biselado à mão e adornado com semi-pérolas

                Manuscrito indiano: Grand Feu champlevé e gravado à mão

 

Bracelete                            Pele de alligator Mississippiensis violeta/bordeaux/ rosa/ vermelha, com as pontas cosidas, escamas quadradas

 

Fecho   Fivela em ouro branco 18K/ou ouro rosa 18K 5N

                Conjunto de meia-Cruz de Malta (21 diamantes talhe redondo)

 

Conjunto total de jóias                 Renda francesa: 93 diamantes de talhe redondo, com um total de aproximadamente 1.4 quilates, & 5 safiras de cor violeta com um total de aproximadamente 0.04 quilates

                Bordado chinês: 145 diamantes de talhe redondo, com um total de aproximadamente 1.2 quilates, & aproximadamente 2.4 quilates de jade e de opala rosa

                Arquitetura otomana e Manuscrito indiano: 85 diamantes de talhe redondo, com um total de aproximadamente 1.1 quilates

 

Edição limitada a 20 peças por cada modelo

«N.º X /20» gravado na parte de trás de cada relógio

Partilhe este artigo

publicidade